Compartilhe

Convidamos vocês a participar do Diálogos ABRAPS/Lives Cidades Sustentáveis: Valorizando nossas comunidades e cidades.

É um novo canal que a entidade reservou para falarmos de temas inovadores que tangenciam a sustentabilidade nestes tempos pós-pandemia.

Em 2018 falamos sobre os resultados do Habitat III – Moradia e Desenvolvimento Urbano Sustentável e temas como a igualdade de oportunidades para todos; o fim da discriminação; a importância das cidades mais limpas; a redução das emissões de carbono; o respeito pleno aos direitos dos refugiados e migrantes; a implementação de melhores iniciativas verdes e de conectividade, e construção de indicadores para cidades inteligentes e sustentáveis, onde abordamos a metodologia MACITI, Metodologia de Avaliação de Cidades e Territórios Inteligentes é formada por 108 indicadores agrupados em seis macrotemas com ênfase

Em 2019 alinhamos os temas de Cidades afetivas, uma via ecológica para o bem-viver; Economia Circular e os ODS, mais especificamente o ODS 12 Consumo e produção responsáveis no âmbito das cidades , Waste Management for Smart Cities;, gestão inteligente de resíduos em cidades e territórios; Saneamento e Recursos Hídricos no meio urbano novas tecnologias e desafios e Inclusão dos 50+ no mercado de trabalho das cidades inovadoras e resilientes

E agora em 2020 vamos abordar a valorização de nossas comunidades e cidades em tempos pós-COVID 19 e o futuro que nos aguarda neste dito novo normal em relação ao desenvolvimento sustentável e suas metas para 2030.

Diálogos ABRAPS/Lives 2020
DATAS: Quinta-feira, 8 de outubro e Quarta-feira 14 de outubro
HORÁRIO: das 18h00 às 20h00 horas.
PLATAFORMA: ZOOM (os links serão enviados a todos os inscritos no dia dos eventos)

FORMATO: Diálogo virtual com especialistas na área de Cidades Inteligentes e Sustentáveis

Mediação dos Diálogos ABRAPS/Lives

Natália Moraes – economista pela UFRJ e MSc em Planejamento Energético pela COPPE/UFRJ. Atualmente é coordenadora do GT Cidades Sustentáveis da Associação Brasileira dos Profissionais pelo Desenvolvimento Sustentável – ABRAPS e do Núcleo Rio da entidade, onde desenvolve e lidera o projeto Cidades Sustentáveis. Sua paixão pelo tema de sustentabilidade e educação a levou criar o projeto Escola 21 com objetivo de aprofundar as temáticas relativas aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU, nas escolas e comunidades. Ao longo de sua carreira, trabalhou como consultora em instituições nacionais e internacionais (CBIE, PNUD, AIEA). Natália trabalha na Pesquisa Energética (EPE) há mais de 10 anos desenvolvendo projetos e estudos relacionados aos temas de transição energética, cidades inteligentes, mobilidade urbana e eficiência energética. Além disso, é professora, escritora e palestrante.

Especialistas convidados para o Primeiro Diálogos ABRAPS/Lives Cidades Sustentáveis dia 08 de outubro de 2020 das 18h00 às 20h00) via zoom

Rodrigo da Silva Oliveira – Bacharel em Química registrado no CRQ 3a região sob no 03251090, pós graduado em Gestão Ambiental pela Escola Politécnica da UFRJ. Embaixador do Instituto Lixo Zero Brasil no Rio de Janeiro. Membro da Câmara Técnica de Meio Ambiente do Conselho Regional de Química – 3a região. Significativa experiência nas áreas de P&D, Engenharia de Processos e Gestão Ambiental em indústria petroquímica. Auditor Ambiental com atuação em 
 diferentes setores. Consultoria ambiental com significativa experiência em condução de processos de licenciamentos ambientais, atendimento às suas condicionantes e assuntos que visam à promoção da saúde pública e controle sanitário em portos, aeroportos e recintos alfandegados.

Tomás de Lara – Cofundador e colíder do Cidades+B (iniciativa global do movimento B), e do ColaborAmerica (festival internacional de novas economias), conselheiro do Sistema B Brasil e do CEBDS (Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável), conselheiro da agropecuária Estância do Chalé e professor em cursos de inovação econômica no Brasil e outros países. Administrador de empresas, com master em comunicação digital, Tomás é especialista em economia colaborativa e sustentável. Seu trabalho tem foco na criação e impulso de organizações que trabalham em rede e fomentam uma economia centrada no desenvolvimento humano e integrado à natureza.

-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-

Especialistas convidados para o Segundo Diálogos ABRAPS/Lives Cidades Sustentáveis dia 14 de outubro de 2020 das 18h00 às 20h00) via zoom

Andrea Borges de Souza Cruz – arquiteta (UGF), Mestre e Doutora em Arquitetura (UFRJ). Pós-Doutoranda em Planejamento Energético (UFRJ). Sócia fundadora da Gerar Arquitetura e Sustentabilidade e co-fundadora da Caruá Negócios Sustentáveis. Docente nos cursos de Arquitetura, Mestrado e Doutorado em Desenvolvimento Local. Experiência profissional nas áreas de Arquitetura, Planejamento Urbano e Ambiental, Construção Civil, Planejamento Energético com ênfase em Gestão Ambiental. Dedicada ao estudo e pesquisas nas áreas de Sustentabilidade, Interesse Social, Planejamento Urbano e Gestão Ambiental. Autora de livros e artigos científicos nacionais e internacionais.

William Seba Mallmann Bittar – carioca, arquiteto graduado pela FAU-UFRJ, em 1978. Livre Docente em Arquitetura. Lecionou, desde 1980, em faculdades de Arquitetura públicas particulares no Rio de Janeiro, entre elas a própria FAU-UFRJ, por 37 anos, no Departamento de História e Teoria e na UNISUAM. Autor de pesquisas e projetos de restauração e revitalização do patrimônio cultural; coordenou equipe multidisciplinar para a realização do Inventário Nacional de Bens Imóveis – Sítios Urbanos – Paraty, RJ, 2002. Consultor, coautor de vários livros, além de diversos artigos e entrevistas em periódicos e participação regular em congressos e seminários sobre Patrimônio Cultural e Arquitetura no Brasil.

Luiz Fernando Janot – Arquiteto e Urbanista diplomado pela FAU-UFRJ em 1966; Mestre em Urbanismo pelo PROURB-FAU- UFRJ em 1988; Autor de vários projetos de arquitetura e urbanismo para a empresa “Janot & Associados Arquitetura e Planejamento” – de 1971 a 2003; Professor e Diretor do Curso de Arquitetura da Universidade Gama Filho: 1984 a 1995; Professor do Curso de Arquitetura e Decano da Universidade Santa Úrsula: 2000 e 2001; Professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 1987 a 2012; Presidente do Instituto de Arquitetos do Brasil – IAB/RJ: 1992/1993; Membro Vitalício do Conselho Deliberativo do IAB/RJ desde 1994; Membro do Conselho Superior do IAB desde 1994; Coordenador Geral de Concursos do IAB/RJ de 2010 a 2020; Conselheiro Titular do CAU/RJ: 2011-2014; Conselheiro Federal do CAU/BR: 2015/2017; Membro do Comitê Executivo do 27º Congresso Mundial de Arquitetos – UIA2021RIO e é Colunista do jornal O GLOBO: desde abril de 2010

Para efetuar sua inscrição clique aqui

 

Diálogos ABRAPS/Lives: Cidades Sustentáveis: Valorizando nossas comunidades e cidades.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *